Não existe tempo perdido...

Se eu pudesse dizer uma última coisa sobre a vida, eu afirmaria com convicção:
Tudo o que eu passei, que eu sofri valeu a pena.
Nunca foi em vão.
Nunca foi tempo perdido.
Desnecessário se faz aquele que não vive, e que, vivendo, não aprende com seus erros.

Infeliz, não existe. O infeliz nada mais é do que a pessoa incapaz de enxergar a beleza da vida. Dos erros e acertos.

O infeliz, de verdade, é todo aquele que não quer ser feliz.
Porque a felicidade vem do entusiasmo de estar vivo.

Talvez eu tenha levado tempo demais para entender que todas as pessoas que passaram por mim foram especiais. Elas me mostraram seu lado bom e seu lado ruim.
E todas, no final, são aprendizes.

Se a vida fosse uma obra de arte, ela estaria inacabada até a nossa morte.

Sou uma obra inacabada. Mas, quem sabe, poderemos nos divertir até o último dia de nossas vidas...


Ass: AL